Modos de usar: Maiô

- Modos de Usar

Vogue

Eu aqui buscando ser menos sentimental em 2017, e já, de início,  falho miseravelmente na simples tarefa de falar sobre maiôs. Caí lindamente no veio do sentir, não mais resistindo a ver poesia em tudo. Como não pensar em maiôs e não ver de pronto o verde, o azul, as ondas, o mar, os pássaros, a calmaria, e o poder de tudo isso para fazer valer um dia bom?

Maiôs me lembram isso: um dia bom. Daqueles típicos de baldinhos e castelinhos de areia que decorriam na infância e nos quais experimentava a liberdade sem importar sabê-la presente.

Sou adepta dos maiôs desde a infância. Acho-os lindos. Ao definir os melhores contornos e nuances, são uma pintura no corpo da mulher.

É lindo a forma com que deixam revelar os raios de sol amanhecendo na porção de pele à mostra. Sendo, por isso, a combinação perfeita entre o natural e a elegância. A mais pura e simples cara lavada do verão.

Vestindo  o melhor dos ânimos para apreciar a vida que é a verdade em beleza.

Tendo uma vida ocupada em se sentir bem.

Com ouvido colado na canção que as areias desenham…que tal essa?

Veja mais looks de maiô na pasta especial que criamos no pinterest.

Acompanhe-nos em nossa redes sociais:

Facebook * Twitter * Google Plus

Comments

comments

Previous Story
Next Story

You Might Also Like

No Comments

Deixe uma resposta